Image Map

Existem diferentes biotipos de corpo, qual é o seu?

 (Fonte: https://sorocabaherbalife.files.wordpress.com/2013/01/biotipo.jpg)
Quinta é o dia da Coluna Fitness aqui no Zazouando! Vamos para mais um post galera, foca aqui! Você, obviamente, já percebeu que seu corpo é um pouco diferente dos demais, não é? Consegue identificar o seu? Então dá uma lida aqui que você vai identificar facilmente, e conhecer o que a tal da genética pode influenciar nos seus ganhos ou perdas. (Genética + academia = polêmica, rs).

Vamos identificar seu corpo utilizando a figura acima (“- Ah, mas os caras já malhados, e eu não! ”), mas é como você pode ficar se treinar durante um bom tempo e seriamente. O primeiro corpo é biótipo chamado de ECTOMORFO, esse é o tipo mais magrelo, é para você que come igual um boi e não sabe para onde vai (rs), pois não tem facilidade para aumento de peso. As características principais são pouco acúmulo de gordura, caixa torácica menor e cintura fina. Pelo tipo de corpo e genética, você terá uma facilidade de definição muscular, porém será mais difícil de ficar monstro (gigante), mas com muito trabalho e dedicação com as informações corretas, é possível alcançar o tamanho de um mesomorfo.

Já o MESOMORFO (corpo do meio na figura), tem o “corpo ótimo” para ganhos e perdas, (sim, é você que emagrece e engorda facilmente). A estrutura da caixa torácica é perfeita para definição e tamanho, apresenta ombros largos e costas em V. A cintura também é fina, sortudo né? Contemplados geneticamente, mas há um trabalho duro em conseguir um bom físico, pois claro, se fosse fácil não teria gente desistindo, pense nisso.

E por final, ENDOMORFO, é você que é gordinho, ou tem uma boa retenção de gordura, pois ganha peso facilmente. Seu corpo apresenta uma caixa torácica grande, cintura larga e ombros largos. Por ter uma facilidade de aumento de peso, com ele, não vem só gordura, há um ganho de massa magra (músculo) também, mas cabe a você se doutrinar em aproveitar esse aumento de forma positiva, ganhando mais massa magra e menos massa gorda. Isso comendo certo, treinando religiosamente (isso todos precisam), assim você pode alcançar um corpo mesomorfo, e ainda mais monstro, ou seja, maior!

A genética dita aqui está relacionada em aproveitar o conhecimento da forma do seu corpo para obter ganhos e se policiar, não falo de tratamento hormonal (que é o que ocorre no fisiculturismo, falaremos um dia sobre isso). Se você se dedicar, dar seu sangue para ter uma melhor condição física, seja em performance ou estética, você vai longe, e conquistar uma boa carcaça. Isso vale pra meninas também viu! Traçada a meta, então bora correr atrás e fazer valer o suor!

Um abraço monstro!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Luísa Tavares - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Luísa Tavares.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo